Jerome Vonk

Os dez mandamentos, versão 2016 (parte 3 de 5)

abr
26

– Bom, de volta ao trabalho, senão esta atualização de mandamentos não sai nunca!

Ele respira fundo, faz o sinal da Cruz, relê o que já escreveu, completa o que falta, conserta algumas frases, procura por erros e, finalmente, contempla sua nova obra:

  1. Não procriarás à toa
  2. Não falarás em Meu nome, nem em vão muito menos de propósito
  3. Não matarás a Terra, sua Mãe
  4. Não andarás de transporte privado
  5. Amarás a teu semelhante, se o considerar como o teu próximo
  6. Não acreditarás na mídia televisiva, falada e escrita
  7. Não confiarás em religião institucionalizada nem em partidos políticos
  8. Cultivarás mais o espírito e menos a matéria
  9. Desconfiarás das redes sociais, das marcas e da publicidade, como Eu desconfio do Diabo
  10. Não cairás nas tentações da indústria médica e farmacêutica.

Ele coça a cabeça, suspira durante alguns segundos que parecem eternos, e diz:

– Quero ver quem vai me chamar agora de Pai Relapso. Pô, estou até facilitando a vida da turma, ao tornar estes mandamentos em instruções bem mais fáceis de serem seguidas.

Lá fora, estoura um pneu, logo depois um outro. Ele vai até a janela e percebe, tarde demais, que se trata de tiros. Antes que ele consiga esboçar qualquer reação, uma bala perdida o acha.

– Cacete, esta ideia de me transformar em ser humano, para me misturar com o pessoal, também não foi das melhores.

O que ocorre é que, quando Deus incarna em um corpo humano, ele perde seus superpoderes e se torna mortal. Como o narrador desta história ou você, leitor.

jesus bw

Sem categoria Comentários desativados em Os dez mandamentos, versão 2016 (parte 3 de 5)

Comments

Comments are closed.